“Estamos com uma nova geração que se movimenta bastante”, diz produtor

Na estreia do programa “Esquina Cultural”, o jornalista, radialista e produtor Marcos Pinheiro explica por que e como fundou o programa Cult22 (Rádio Cultura FM) nos anos 90, onde divulgou bandas, como Raimundos, Little Quail, Maskavo Roots e que até hoje, reverbera o som de grupos musicais da cena.

A importância da rádio de divulgar as novas bandas do cenário também é discutida no programa.  Com os adventos tecnológicos, os planos das bandas de divulgar os trabalhos mudaram. Assim, ele compara as duas décadas e destaca o streaming que tornou o universo musical mais acessível para quem quer mostrar seus trabalhos dentro e fora do Brasil.

Além de diferentes cargos no meio musical, Marcos Pinheiro é curador das bandas no Festival Porão do Rock. No meio da entrevista, ele conta a história do festival, o seu crescimento no cenário e as seletivas para dar espaços para as novas bandas. Com isso, ele dá a sua opinião sobre o legado de capital do rock para a cidade e se os grupos musicais atuais ainda estão saindo para a região sudeste para fazer sucesso.

Por João Pedro Ramos e Saulo Branquinho

Supervisão de Luiz Claudio Ferreira e Katrine Boaventura

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here