Show no Clube do Choro une erudito e popular com música dos games

Especializada em trilha sonora de videogames, a VGMus Band se apresenta no Clube do Choro de Brasília nos dias 11  e 12 de Junho, às 21h. Além de participar do show, o público vai poder jogar contando com o improviso dos instrumentistas ao vivo que vão acompanhar a trilha sonora seguindo o desempenho do jogador.

A banda é composta por Henrique Vieira (baixo), Malu Colusso (teclado), Lucas Donato (bateria), Caio Galileu (guitarra) e Gessika Mayumi (cantora convidada). Também fazem parte da VGMus Manoela Neves (administração e produção), Luiggi Reffatti (produção e projeções), Saulo Cruz (fotografia) e Willyam Jr (apoio).

FOTO: Saulo Cruz/VGMUS. A VGBAND: Rick Vieira, Arranjos e Contra-Baixo Elétrico; Caio Galileu, Guitarra; Malu Colusso, teclado; Lucas Donato, bateria; Géssika Mayumi; voz, Manoela Neves, administração e produção & Miron de Lelis, produção & mestre de cerimônia

Conduzida por um mestre de cerimônia, Miron de Lelis, a orquestra apresenta os melhores temas de games. Para a apresentação no Clube do Choro, os músicos criaram o formato VGMus Band e vão estrear este show com mais rock and roll no repertório. “A apresentação no Clube do Choro é importante pelo fato dessa casa ser tradicional, ser casa de arte, de música. A vantagem de uma formação de banda que é menor, é conseguir montar um show mais rápido do que com uma orquestra inteira, um grupo grande”, diz o mestre de cerimônia.

Histórico

A VGMus – orquestra que possui no nome referência ao videogame e música – atua desde 2012 sob a regência de Felipe Ayala. O grupo surgiu em uma disciplina oferecida pela UnB chamada Prática de Orquestra. Começou com uma média de dez músicos e chegou a ter 40 músicos em sua maior formação. Miron de Lelis, produtor musical, conta que era um fã e amigo da orquestra e acompanhava os concertos executados pelos musicistas até que recebeu um convite do mestre de cerimônia que ia deixar a orquestra para fazer outro trabalho. Desde então, ajuda nos shows recebendo a platéia e alegrando o ambiente. 

Geek é uma gíria usada para caracterizar pessoas que exercem diversas atividades intelectuais e que têm afinidade com tecnologia, eletrônica e jogos eletrônicos. No caso do grupo “a conceituação se dá quando você, além de profissional, é especialista no assunto, é viciado nisso”, diz Miron de Lelis. “Todas as nossas músicas têm a pegada Geek e a gente incorpora isso na hora de tocar, na hora de fazer arte”, explica o produtor.

Formada por instrumentistas com formação acadêmica sólida, a VGMus nasceu com a ideia de arranjar e executar composições musicais de jogos eletrônicos, filmes e séries. O grupo original é formado nos moldes de uma orquestra clássica, contando com naipes de cordas, sopros, metais, piano e banda base: guitarra, baixo elétrico, bateria e teclado (sintetizador). 

Miron de Lelis enfatiza que “a orquestra busca fazer outros formatos, não só os de orquestra e banda. No momento a banda está sendo um diferencial, mas futuramente, tendo quintetos de sopro, de corda, quartetos e duetos, esse será um jeito retroverso da pessoa ficar mais curiosa até com a música erudita em si”.

A apresentação no Clube do Choro é uma boa pedida para quem quer passar um Dia dos Namorados ouvindo música de videogame dos anos 90.  

 

VGMus Band no Clube do Choro

Dias : 11 (segunda-feira) e 12 (terça-feira) de junho

Local: Clube do Choro de Brasília (Eixo Monumental)

Horário: 21h

Vendas: bilheteria do Clube do Choro ou pelo site www.bilheteriadigital.com

Ingressos: R$ 15 (meia-entrada)

Informações: 3224-0599

Não recomendado para menores de 14 anos

Por Claudia Sigilião

Supervisão de Luiz Claudio Ferreira

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here